O mais completo portal de notícias sobre CRMs!

Gestão de equipes
17/10/2019

Gestão de equipes

8 dicas para manter uma equipe com foco nos resultados

Segundo uma pesquisa publicada no jornal O Globo, 77% dos brasileiros compartilham o sonho de empreender.

Uma outra pesquisa feita pela Global Entrepreneurship Monitor mostra que a retomada do empreendedorismo cresceu em 2018, e mostrou que 52 milhões de brasileiros em idade produtiva estavam envolvidos com alguma atividade empreendedora.

E ainda complementa que a partir do momento que os empresários abrem um negócio motivados pelas oportunidades que o mercado tem apresentado. 

E se você também sonha em ter o seu negócio próprio, ou já está tomando os primeiros passos rumo à idealização do mesmo, deve atentar à importância da gestão de equipes para manter funcionários motivados e com foco nos resultados.

Pensando nisso, trouxemos neste artigo tudo o que você precisa saber sobre gestão humana, incluindo 8 dicas para manter uma equipe com foco nos resultados.

A importância da gestão de equipes

Lidar com pessoas, no geral, nunca foi tarefa fácil.

Porém, quando a necessidade tem relação direta com a nossa equipe de trabalho, o cuidado deve ser redobrado.

Ao apropriar-se do controle de uma equipe, o gestor também ganha nossas funções.

Fazem parte deste trabalho:

  • Monitoramento de fluxo do expediente;
  • Alinhamento entre as expectativas da empresa e membros da equipe;
  • Capacidade de resolver problemas e conflitos;
  • Focar sempre nos resultados, porém, sem ignorar o caminho que leva até lá.

No âmbito do gerenciamento empresarial, não há uma fórmula mágica e secreta que ensine a realizar a gestão de equipes perfeitamente, com total êxito.

Por isso, é necessário se especializar sobre o assunto de um lado (teoria), e de outro, aplicar na prática táticas e planos estratégicos, de modo a avaliar quais são aqueles que funcionam melhor na esfera de sua empresa.

Isso ocorre uma vez que o ambiente de trabalho, os funcionários e as próprias metas/objetivos a serem cumpridos são variáveis em cada empresa.

Porém, algumas dicas podem ser aplicadas em todos os casos, contribuindo para a execução de uma melhor gestão de equipes e possibilitando a conquista de resultados mais significados para a organização como um todo.

Pensando nisso, trouxemos para você 8 dicas para manter a equipe com foco total em resultados. Vamos lá?

Como manter uma equipe focada nos resultados?

1. Tenha cautela na hora de distribuir tarefas

Todo indivíduo, em qualquer âmbito da vida, possui pontos fracos e pontes fortes – e cabe ao gestor saber reconhecê-los quando em relação às funções que são executadas na empresa.

O instituto Gallup inclusive elaborou um teste para descobrir os pontos fortes de cada colaborador, com isso foi desenvolvido um livro com título - Descubra Seus Pontos Fortes - que ajuda bastante.

Ao contrario de muitos estudiosos que acreditam que devemos trabalhar muito nossos pontos fracos para deixá-los fortes, o Gallup acredita que devemos que potencializar os pontos fortes e equilibrar os fracos é o caminho do sucesso.

Parece algo bem interessante não é? Imagine colocar o Neymar para nadar e o Cesar Cielo para jogar futebol, mesmo com muito treinamento eles não seriam extraordinários como são focando e aperfeiçoando seus pontos fortes: jogar futebol e nadar respectivamente.

Então, ao explorar as facilidades de cada funcionário, assim como equilibrar suas limitações, a distribuição de funções passa a ser muito mais inteligente e bem direcionada.

Essa dica é primordial para uma equipe com foco em resultados.

Isso porque, ciente de que aquela função é a que executa melhor, cada funcionário dará o seu melhor para que a empresa alcance os resultados desejados.

Além disso, com a melhor distribuição de funções, a gestão de equipes terá:

  • Melhor aproveitado de cada funcionário e da equipe como um todo;
  • Economia em relação a tempo;
  • Ganho em dose dupla – tanto na melhor execução como na qualidade das tarefas.

2. Seja consistente

A gestão de equipes é uma função que exige consistência – tanto no sentido de agir como na forma como a comunicação é mantida com os membros da equipe.

Sendo assim, seja consistente, mas nunca entenda isso como exagero.

Elogiar, por exemplo, um bom trabalho é fundamental – e deve ser feito sempre que possível.

Porém, fazer isso em excesso pode causar desconforto para o funcionário em questão, ou até mesmo tensão no restante da equipe.

A consistência diz respeito ainda ao ato de ser justo com a equipe, tratando todos com igualdade (como realmente deve ser).

3. Reúna a equipe

As reuniões são sim de extrema importância para a gestão de equipes – motivo pelo qual devem ser promovidas com determinada frequência.

Elas podem auxiliar em:

  • Correção de falhas;
  • Alinhamento de planos e estratégias;
  • Esclarecimento de dúvidas;
  • Apresentação de resultados.

Porém, tome cuidado com a realização de reuniões em excesso. Tem empresas que tem uma doença chamada "reunite"...

Se não houver um assunto importante a ser discutido por todos, prefira enviar um e-mail à equipe.

Para ajudar no armazenamento de informações compartilhadas durante a reunião, um software de gestão pode se tornar um bom aliado.

A ferramenta dispara convites e confirma a participação na reunião, distribui tarefas entre membros da equipe e até elabora atas automatizadas.

E lembre-se que isso não elimina a importância de falar com cada membro da equipe em particular de tempos em tempos.

A preocupação personalizada, muitas vezes, é o que o seu funcionário precisa.

4. Seja o elo entre a equipe

O bom gestor de equipes é aquele que faz com que o foco em atingir metas se estabeleça como coletivo.

Para tal, ele deve fazer com que cada colaborador esteja alinhado nas metas e objetivos da empresa.

Juntos, os funcionários manterão a sinergia e obterão os resultados desejados e esperados pela organização.

A melhor forma de fazer com que a sua equipe mantenha o foco nos resultados é fazendo parte dela, mostrando que as relações ali estabelecidas não são verticais, mas sim, de parceria, horizontalizadas.

5. Compartilhe as suas ideias

Mostre quais são as suas metas e questione, com frequência, o que os seus colaboradores almejam também.

Desta forma, você permite que todos fiquem focados não só nos resultados da empresa, como também, em seus resultados pessoais ao mesmo tempo.

6. Permita a participação dos funcionários

Dar abertura e espaço para os colaboradores também é fundamental para uma boa gestão de equipes.

Permita que eles façam comentários, que deem a sua opinião e que interajam não só naquilo que diz respeito às funções particulares deles, mas também, em relação à empresa como um todo.

Lembre-se que quando as pessoas fazem parte do processo, elas tendem a ficar mais engajadas.

7. Estimule discussões

Principalmente aquelas relacionadas ao desempenho das atividades de cada um e como elas influenciam no todo.

Essas conversas podem ser tanto em particular como também desempenhadas em equipes.

8. Tenha conversas abertas

Falar abertamente com todos os membros é fundamental para uma boa gestão de equipes.

Se tiver que chamar atenção de alguém, faça em particular, e de preferencia no final do expediente, assim o colaborador não perderá o dia desmotivado, e terá a noite para pensar no assunto.

Aposte nisso!

Ao apostar na gestão de equipes, sua empresa se tornará um lugar de prazer, comprometimento e resultados.

Acredite ela pode (e deve) ser realizada não apenas em grandes empresas, mas especialmente naquelas de pequeno e médio porte.

 

Se você precisar de ajuda para abrir o seu próprio negócio, para ter mais segurança, liberdade e crescer, ou simplesmente deseja para escolher pode falar com a Agência de Marketing Digital High Sales

Gostou do nosso conteúdo sobre Gestão de Equipes? Então não esquece de compartilhar em suas redes sociais!